Até hoje fico me lamentando que eu poderia fazer a década de 80 bem melhor, já que ela era infinitamente superior à decada de 90 e a de 2000, qual estamos agora.Infinitamente superior.Não sei se pelo nível de “inocência”ser maior, algumas bandas e grupos que faziam sucesso naquela época nunca fariam nos tempos de hoje.Algumas bandas ostentavam ombreiras nos ternos, aqueles óculos escuros enormes, aquelas roupas berrantes…grupinhos que eu nunca gostei, como Balão Mágico, Trem da Alegria fizeram muito sucesso naquela época…Quando morava com meu pai os fins de semana na Cidade de Deus eram deliciosamente horríveis, entediantes…o mal dos anos 80 era o tédio, mesmo.Podia-se achar tênis All Star no lixo, ou jogado por aí…um tênis que não era tão valorizado assim, mas que hoje em dia é objeto de culto dos Indies, Emos e alguns “mudernos”…o sistema de moedas tinha mais valor que o Real(acho que era Cruzado Novo, Cruzeiro, etc).
Me lembro de estar brincando com uma amiguinha minha, quando eu achei que ela era parecida com a Angélica, ela me chamou de algo pejorativo…pensei que ela iria ficar feliz, hehehehhe!

Eu mal ficava em casa, quando morava com a minha mãe na Rocinha.

Além das passagens pelas insituições de menores(CRIAM de Cabo Frio, FEEM)eu passei por uma filial do CRIAM, em Nilópolis, na Baixada Fluminense.Isso foi em 1990.Até hoje a instituição permanece lá, mas como eu disse, agora é para menores infratores.Antigamente não era.Lá eu era zoado em excesso por alguns internos, mal saía de lá, só para os passeios.Se eu saísse não iria me lembrar onde estava.Só me lembro que no fim da rua onde fica o abrigo tinha um pequeno cemitério.Me lembro de ter entrado nele.

Eu retornei pra casa da minha mãe quando ela foi me buscar, junto com o Silvano.E eu nem queria voltar, já estava acostumado com isso tudo de CRIAM, FEEM e outras insitituições que eu tinha passado.
Bem, só bastou eu arrumar um motivo para fugir de casa novente, mas desta vez foi um totalmente estapafúrdio: eu fugi de casa porque minha mãe não deixou que eu ficasse com um REVÓLVER DE BRINQUEDO!
Eu estava tão acostumado em fugir que isso, pra mim, foi considerado motivo.E quando fui dizer o motivo pro pessoal, novamente eu fui zoado.Claro.

Eu me lembrava do promotor que cuidava do meu caso, quando eu voltei pro abrigo, ele me olhou, já sabendo o que iria fazer comigo.Ele me olhou numa festa que teve no abrigo, e no dia seguinte eu já tinha sido despchado para o Rio.

Tinha voltado pra casa da minha mãe umas 3 vezes.E ela sempre me tratava assim: me xingava pra caralho, depois abrandava a conversa e me oferecia um lanche.

E eu fugi novamente, já era 1992.

Eu tinha sido tirado de um abrigo da Região dos Lagos, daí me colocaram em uma delegacia em Niterói, com algumas pessoas, e um menino que eu conhecia há um tempão chamado Gláucio.

À noite, um cara, eu e os amigos deles fomos em uma garagem de uma empresa de ônibus que não existe mais, a CTC(inclusive onde eu moro atualmente é ao lado de uma).Nós simplesmente pulamos o muro de lá e roubamos as chaves.Bem, eu estava só olhando, mesmo.Nem sei porqu eles fizeram isso.

Dia seguinte, o Gláucio nos entrega e fomos DIRETO PRA CADEIA(da delegacia)!

Ainda bem que isso não sujou minha ficha.

Anúncios

2 comentários sobre “

  1. Sargleben Kawarimi Arkhan disse:

    caramba cara…vc é bastante assíduo da febem hein O.o’hehehenossa q estória…anos 80 realmente deve ter sido legal…adoraria ter vivido…mas meus pais só resolveram transar sem camisinha acho q em setembro de 89 ¬¬enfim…legal o blog,estória interessantes^^

  2. Penny Leine disse:

    eu não lembro muito dos anos oitenta – de algumas musicas que fizeram parte da minha trilha – e hoje – confesso que como muitos – acho uma época um tanto divertida, mas essa exaltação toda já está meio passada. e eu nunca fugi de casa, mas penso que deveria experimentar, mesmo que entre aspas – não bem uma fuga.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s