A Traição do Movimento Brasil Livre

Brasil-livre

Levei umas semanas pra dar uma opinião sobre a série de cagadas que o MBL, um dos movimentos anti-PT que ajudou a levar a multidão de brasileiros indignados às ruas das capitais brasileiras; esperando que fizessem MAIS cagadas, porque o grupo entrou numa espiral de abrir suas verdadeiras intenções que, pelo jeito, não vai ter mais fim: Daqui há uns dois anos, ou menos, o grupo estará tão desnudado que perderá boa parte de seus simpatizantes e associados – ao menos é o que espero, pelo bem do povo brasileiro.

Eu acompanhava o Kim Kataguiri do canal FichaSocial, sendo uma rede de notícias anti-PT atualizada vez ou outra no YouTube, tendo a frente “âncoras” improvisados, como o próprio Kataguiri, Fernanda Andrade, Bárbara Tonelli e mais uns outros, todos jovens. Aliás o MBL é conhecido por ter jovens dos membros comuns aos cabeças, justamente por isso dando a idéia de que o Brasil estaria bem encaminhado, já que normalmente não se espera tanto de jovens hoje em dia. Kim também seguia – possível que ainda siga – os conhecimentos do filósofo e cientista político Olavo de Carvalho, este mentor de toda a “nova direita”, formada e fortalecida pela internet. Inspirados em Olavo surgiram vloggers de direita e parcerias entre eles através de hangouts, mensagens e compartilhamentos no Facebook, a despeito de todo escarnecimento que o próprio ainda sofre pelos neo-ateus, geralmente esquerdistas. Olavo foi um dos poucos doutrinadores, uma das poucas vozes anti-PT da internet há muitos anos. O MBL ganhou força com o passar dos anos e deu no que deu, junto ao movimento Vem pra Rua e os Revoltados Online (também anti-PT e pró-impeachment da presidente Dilma), regeram os protestos de 2014/15 em todo o Brasil, além de desacreditamento de políticos que ajudam a minar a existência da ética judaico-cristã no país, como o deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ).

6wFj8Ksr

AS CAGADAS

Contudo, numa entrevista para o programa Pânico, da rádio Jovem Pan, Kim Kataguiri se voltou contra o seu mentor, simplesmente ajudando a galera neo-atéia a ridicularizá-lo; disse que nem tudo o que o Olavo dizia, se escrevia, como a defesa do tagabismo, entre outras coisas. Certo, nisso eu também concordo. Mas o erro de explanar essa posição foi: Olavo já não é tomado pela chamada Grande Mídia como o mentor de toda a “nova direita”, como o próprio disse, a mídia (Globo, Estadão, Folha e etc) tomou os moleques do Brasil Livre como os “donos da bola”, junto ao Vem pra Rua e os Revoltados Online. Há a tal ridicularização massiva contra o filósofo na internet, contra sua ex-profissão de astrólogo e contra sua posição aos “fetos abortados no refrigerante Pepsi”, quando Olavo usou fontes para tecer sua OPINIÃO.  Portanto, por que reforçar opiniões próprias dadas a um grande veículo de comunicação senão para desestabilizar quem o ajudou? Por que não defendê-lo, creditar o papel de toda essa revolta recente contra a esquerda a ele, sendo que, parafraseando o próprio Olavo, não houve qualquer cartaz de KIM KATAGUIRI TEM RAZÃO, e sim OLAVO TEM RAZÃO?

Dia-15-Fora-Fora-Olavo-tem-razão-montagem15-FMB-Olavoolavo-tem-razão-cartazes11053047_931015816919968_2056493521998138722_n1

Fora que o mimimi sobre o passado de astrólogo do Olavo é mais importante para a esquerda que o passado comunista dele, é claro. Porque, para eles, é mais ridículo e nocivo ser astrólogo que endossar MILHÕES DE MORTES pelo regime de Stalin, Pol Pot, Mao-tse Tung, dos irmãos Castro e afins. Do que juntar palavras tão distintas como Socialismo e Liberdade. Do que ser idiota útil de uma ideologia que prega a destruição de tudo o que eles desfrutaram a vida inteira, e que para eles não passa de coisa de “retrógrado”, de “atrasado”, tudo em busca de prazer e de uma “aceitação” que, no frigir dos ovos, é defendida por quem tem seus próprios preconceitos e limitações. Mesmo se não, que vantagem teria em ser um “átomo solto”? Por que dizer que os anti-movimento gay devem “cuidar da sua própria vida” se querem implementar leis que atingiriam toda a sociedade?

Falando nisso, Acácio Dorta, um membro do MBL resolveu processar Allan dos Santos, um dos direitistas pró-Olavo, por declaração “homofóbica”, quando Allan apenas retrucou um deboche de Dorta ao filósofo. A surpresa foi grande, embora em seus vídeos, o MBL use o termo “homofóbico”, “homofobia” erroneamente, como o próprio movimento gay e a mídia, caracterizando o adjetivo e substantivo de alguém que, genericamente, rejeita gays – quando os próprios são preconceituosos, em alguns casos até mais que os “homofóbicos” em si. E surpresa porque não se esperava isso de um movimento direitis–

Não, o Movimento Brasil Livre NÃO É direitista. Aliás, eles sequer se intitulam direitistas, e sim LIBERAIS! Querer o impeachment da Dilma, qualquer um quer. Sem contar que, não obstante os ataques ao PSDB, dizendo ser “linha auxiliar do PT” – e de fato o são -, o que dizer do MBL ante a aliança com Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT? Ou alguém acredita que haja uma estratégia que beneficiaria o Brasil por trás da voz de Kataguiri dizendo que “existe uma esquerda democrática”? E que uma raposa velha, que manja de política mais do que diversas reencarnações destes moleques, se dobraria diante deles?

Demos tempo ao tempo e o MBL se mostrou igual a “tudo o que está aí”. Se bem que nem demorou muito, certo? Eles são tão inimigos do Brasil quanto a esquerda.

mbl

E se preparem para as candidaturas políticas de seus membros! Ou você acha que a voz empostada tipo de político entoada pelo Fernando Holiday não encontraria um fim perfeito?

Anúncios

6 comentários sobre “A Traição do Movimento Brasil Livre

  1. Anonimo. disse:

    O problema é que não dá pra confiar em ninguém: Política é um jogo em que o poder do rumo das coisas está com o povo e nem todos estão prontos para fazer jogadas complexas e desestabilizar essa trama.

    Eu fico naquela concordo em parte com as informações desses grupos, assim como algumas coisas do Olavo. Até porque ele é atuante contra isto que estamos vendo, ele está mobilizando gente contra essa papagaiada toda. Só que não é porque ele está fazendo isso que devemos dar a confiança de mão beijada pra alguém, porque de boas intenções amigo o inferno está cheio.

  2. Anônimo. disse:

    Acho engraçado essa gente só porque você simpatiza ou concorda com algumas ideias de alguém te faz um sujeito igual a este.

    Mas é assim mesmo o nível de debate nacional na internet hoje em dia, as pessoas rejeitam boas ideias porque vem das pessoas que elas não gostam.

    Ainda bem que adquiri maturidade e aprendi a ver a ideia acima da pessoa. Posso não concordar sempre, mas pode ser que ela possa expor ideias que fazem sentido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s