O que esperar de Batman v Super-Homem?

batman-vs-superman-BVS-FP-0237-HR

O filme estréia em 2016, é um dos mais aguardados do ano – o outro é Capitão América: Civil War -, e pelo jeito, com a entrada do Ben Affleck e do roteirista indicado, Chris Terrio, de Argo, a franquia felizmente se afasta do dedo podre de Zack Snyder, aquele diretor de filmes de quadrinhos que desfrutou de uma superestima por conta da pouca concorrência, na época: começou com 300 e toda a sua fama pop dispensada a ele, para logo após ele deixar claro sua indignidade com os fracos Watchmen (tem de ser muito maldoso ou burro para dizer que o filme é melhor que o gibi) e Sucker Punch.

Man of Steel também foi aguardado, especialmente após a péssima última tentativa na época de transpor o Azulão na telona, e foi ruim, um filme mais notabilizado pela ação que pela história, que desrespeita o Homem de Aço a partir da ultraexposição de sua identidade civil; culpa de Snyder E de David Goyer, já tarimbado na roteirização de filmes baseados em quadrinhos desde Blade, e que inclusive fez o péssimo terceiro filme daquela franquia, este conturbado, com uma série de problemas no backstage. Portanto, o Batman vs Super-Homem já tem a felicidade em não ter Goyer e tendo o dedo do Ben Affleck, recém-saído do também superestimado Gone Girl.

Mas daí, a pergunta que SEMPRE não quer calar, na boa: como Gal Gadot conseguiu o papel de Mulher-Maravilha?

Wonder-Woman

Tá, a personagem teve várias revisitações cujo corpo variava, mas a mais conhecida, a do George Pérez, é uma magra atlética no peso ideal. E Gadot, modelo israelense, claramente está abaixo do peso. Nem resquício de bunda ela tem. Portanto, segurando uma personagem que também é caracterizada (não tanto) pela sensualidade, ainda mais de uns 20 anos pra cá, fica complicado não achar que tenha pego o papel ou pelo Quem Indica ou por favores sexuais, pois nos filmes em que atuou ela foi, no máximo, passável. Quem viu Fast and Furious 5 e 6 sabe disso.

Gal-Gadot--Comic-Con-2015--03

PELO AMOR DE DEUS, AMIGO.

No mais, conforme o trailer, Batman irá para cima do Super-Homem, que será endeusado, e, pelo jeito, dominado pelo Lex Luthor, interpretado por aquele jovem ator que não cansa de interpretar a si mesmo. Não, não é o Michael Cera. Até ambos os heróis lutarem contra o mal em comum, que é onde a Mulher Maravilha aí, e possivelmente o Aquaman (feito pelo péssimo Jason Momoa), se encaixam, todos unidos. É uma forma desesperada e não oficializada de criar uma Justice League em resposta aos Vingadores, que têm bastante sucesso entre o público, com dois filmes que geraram mais de U$ 1 bilhão. Nós sabemos que a Warner/DC está tão aflita e mal das pernas quanto a DC Comics, esta última em mudança constante – quase sempre para pior, é claro – para agradar a gregos e troianos… sendo que isso é impossível.

Ben-Affleck-angry-Bruce-Wayne-batman-v-superman-trailer

SÓ DÁ PRA CONFIAR NO AFFLECK/TERRIO MESMO

Em suma, ante tudo isso, o que esperar?

O melhor – ou um dos melhores – Batman de todos os tempos? Porque filharam no Super-Homem. Falharam na Mulher-Maravilha tanto aqui quanto no piloto de série que fariam, escalando Adrianne Palicki, uma nulidade sexual até mais que a Gadot. O planejamento é tão ruim que o filme tem ainda mais obrigação em ser muito bom, sendo uma flor no mar de bosta que a DC/WARNER anda fazendo em seus filmes. Que Deus os ajude e a nossa paciência também.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s