Impeachment Pela Metade

Não há nada para comemorar.

Dilma finalmente foi impeachmada, mas Renan Calheiros impediu, rasgando a Constituição, que a ex-presidente não exerça qualquer cargo público nestes próximos oito anos. Foi uma manobra usada como troca, para que Eduardo Cunha volte à baila sob a ajuda do PT e dos demais partidos que não queriam o impeachment da Marmota. Ou seja, cuspiram na cara de todos os brasileiros que objetivavam apeá-la, nestes mais de dois anos de manifestações Brasil afora – com direito a protestos internacionais.

Dilma, é claro, voltará à política e será eleita, já que todos os cidadãos têm a consciência da gravidade da sua existência no maior cargo do país. Daqui a pouco, vestirá aquela faixa verde-e-amarela, e por que não? Tudo é possível, nesta República das Bananas.

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Impeachment Pela Metade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s